1.22.2005

Eu preciso parar de mendigar as coisas. Principalmente sentimentos. Mas é incrível como meia dúzia de palavras tem o poder de me tirar o ar. Assim, de ficar sem fôlego, mesmo. Medo disso. Aguardem cenas do próximo capítulo. Ou: o dia em que Larinha desmanchou.

Sem comentários:

Enviar um comentário