5.03.2003

Sobre ontem a noite

Quando dois ou mais bloguentos se juntam, não espere uma missa. "...festa estranha, com gente esquisita..." Somos nós!!! Gente que se diverte. Que curte a Dona Vida das maneiras mais deliciosas possíveis. Que canta, dança, ri, só pelo simples fato de ter tanta gente querida a sua volta. Uma festinha private... aquela coisa de garagem de casa coberta com lona pros bicões não ficarem de olho. Só faltou a dança da vassoura. Embora o aniversário tenha sido dele, e ela tenha mandado muito bem nas pick ups, o post de hoje vai para o outro DJ da noite. Esse menino já havia avisado com antecedência que tocaria uma música para mim. Eu esperava alguma coisa bizarra ou da ala infantil. Mas ele foi além. Ele tocou *A* música. Música que em um dos bate-papos de icq eu citei como sendo uma das preferidas. Pi-rei. Alucinei. Surtei. A frase da noite foi "Eu sou foda porque eu toquei essa música" Então, em quesito fodice, ele vence. E pensar que eu já julguei o caráter desse mocinho antecipadamente. De pensar que ele era um azedo convencido. Mas eu já me redimi. Já pedi desculpas e descobri nele uma pessoa mais-que-querida. Mas não vou rasgar a seda aqui, senão acabo com a reputação dele. Literalmente, ontem, eu tirei o chapéu.

Lembro, como se fosse hoje, a primeira vez que ouvi essa música. Eu sempre fui fanzoca de Metrô. Quando criança, eu queria ser igual a Virginie. Eles estavam no programa do Chacrinha e ela estava mais linda que nunca, com um jeans basicão e uma capa que ia até os pés. A música bateu na cachola e marcou igual ferro quente. Só voltei a ouvi-la muitos anos depois, cantando no videokê. É a #2, porque a primeirona no favoritismo da loira é e sempre será Dancing Queen. E ela retornou com tudo. Cheia de metáforas, assim como eu. Uma balada deliciosa. Eu me pego cantarolando a danada a toda hora. E ouvir e dançar *A* música em uma festa... Ahhh... não tem preço. Obrigada, querido. Por fazer uma criança tão feliz.


***SÂNDALO DE DÂNDI***
Metrô

Beijo teus lábios... desejo te amar
Isca na ponta do anzol...
Num dominó peças vão combinar
Eclipse pleno da lua no sol
Sinto no ar:
Sândalo de Dândi,
Dom de querer bem...
- É só se ligar...
"Tudo que é mutante
Muda amando alguém..."
Frágil aprendiz...
Tudo bem...

Sinto no corpo o prazer de estrelar
Cenas de um filme de amor...
Venço limites, você insiste... tudo me atrai
Clima de festa de Rock 'n' Roll...

Alvo de míssil... que me seduz
Imã que atrai explosão...
Farol girando... raio de luz
Fio de laser... alta tensão


Sem comentários:

Enviar um comentário